CULTURA ANGOLANA

NOTÍCIAS FOTOS E VÍDEOS
ESTE FORUM SERÁ DEDICADO A ASSUNTOS RELACIONADOS COM A ATUALIDADE DESPORTIVA E CULTURAL ANGOLANA. PRETENDE-SE AINDA QUE SEJA UM ESPAÇO DE PARTILHA CULTURAL E DESPORTIVA ENTRE ANGOLA E PORTUGAL.

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor paulo gonçalves em Sexta Set 10, 2010 3:12 pm

10-09-2010 1:06

Literatura
José Luís Mendonça lança obra poética


Imagem
Escritor angolano José Luís Mendonça


Luanda - A obra poética "Poesia Manuscrita pelos Hipocampos", de autoria do escritor angolano José Luís Mendonça, foi apresentada, em Luanda, numa cerimónia promovida pela Caxinde Editora.
Com setenta e duas páginas, teve uma tiragem de mil exemplares e é uma homenagem à natureza, ao país, à mulher e à Humanidade, tendo como destaque os poemas “Realeza”, “Maçã Preta”, Eu Sou Petróleo Bruto”, “Mulher Poema”, Estrela do Mar” e “Aves da Estação”.
Segundo o autor, a ideia do livro nasceu ainda na infância, quando teve uma “visão” do Mundo sobre o passado e o futuro do Universo, que o inspirou a produzir essa obra poética
“Lembro-me de na infância ser iluminado por raios solares que me mostraram certos fenómenos naturais, que ocorreram ao longo do tempo e outros factos do futuro, que escrevi nesta obra. Este livro é uma visão muito íntima que tenho com a natureza”, explicou.
Por sua vez, António Quino, professor universitário e apresentador da obra, disse que o trabalho constitui um desafio para os leitores, que terão de descodificar as ideias do escritor, que estão além das suas palavras.
“É necessário um grande exercício de memória e harmonia entre o cérebro e o coração para se poder entender os poemas deste livro, devido a linguagem e a simbologia utilizada pelo autor”, argumentou.
Por seu turno, o escritor e representante da Caxinde, Jacques dos Santos, enalteceu a qualidade do escritor, considerando José Luís Mendonça como um dos maiores poetas da actualidade do país.
“Para a Caxinde Editora é um grande privilégio e uma honra trabalhar com escritores da dimensão de José Luís Mendonça, um dos grandes poetas da actualidade do país”, realçou.
Assistiram ao acto de lançamento docentes universitários, estudantes, escritores, políticos, entre outras individualidades.
José Luís Mendonça, nascido em 24 de Novembro de 1955, na província do Kwanza Norte. É licenciado em Direito pela Universidade Agostinho Neto (UAN) e membro da União de Escritores Angolanos (UEA).
É jornalista e autor, entre outros, dos livros “Chuva Novembrina”, galardoado com o prémio de poesia "Sagrada Esperança", “Gíria de Cacimbo”, Prémio Sonangol de Literatura, “Respirar as Mãos na Pedra”, vencedor do Grande Prémio Sonangol de Literatura e “Quero Acordar a Alva” prémio de Literatura "Sagrada Esperança".
O criador escreveu ainda as obras “Logaríntimos da alma”, “Poemas de amar”e "Ngoma do Negro Metal”.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor paulo gonçalves em Domingo Set 12, 2010 12:59 am

Bengo
Ngau Moyo realiza espectáculo de dança moderna

Caxito
Um espectáculo de dança denominado "Ballet Teatro" será realizado hoje, em Caxito, província do Bengo, para transmitir novas coreografias e dança moderna aos jovens locais. A actividade insere-se no programa comemorativo da Semana do Herói Nacional.
Em declarações hoje à Angop, a promotora do espectáculo, Afonsina Domingas, sustentou que o evento proporcionará aos jovens momentos de lazer e de aprendizagem de danças modernas aliadas a exibição teatral, musical e de poesia.
Afonsina Domingas, a responsável da Casa Cultural Ngau-Moyo, adiantou que o espectáculo servirá igualmente para apresentar ao público local uma dança inovadora.
Explicou que a combinação do Ballet e Teatro resulta num tipo de dança contemporânea que actualmente se utiliza em casamentos, celebrações de alianças políticas e de vitória em guerras ou união de terras ou para entretenimento.
Por este facto, segundo a promotora, urge a necessidade de se incutir nos jovens outros estilos de dança, por forma a aumentar o seu nível de formação técnica e profissional, neste domínio.
A casa cultural Ngau-Moyo conta com 36 dançarinas, 14 percussionistas, 10 actores, 6 coreógrafos e 4 encenadores.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor paulo gonçalves em Sexta Set 17, 2010 7:46 pm

Kwanza Sul
Sumbe assume "despesas" culturais no fim-de-semana

Sumbe
- A cidade do Sumbe, capital da província do Kwanza Sul, será o centro das atenções das realizações culturais no país, neste fim-de-semana, com a realização da 10ª edição do Festival Internacional de Música do Sumbe (FestiSumbe2010).
Com uma área de 3.890 quilómetros quadrados e uma população estimada em 218 mil habitantes, a cidade do Sumbe, que apresenta uma densidade populacional de 56 habitantes/quilómetros quadros, prepara-se para receber convivas de vários pontos do país, dispostos a participar activamente de dois dias de convívio, com músicos nacionais e estrangeiros.
Durante dois dias, o público local e os visitantes verão actuar um leque variado de artistas, com diferentes ritmos musicais, no âmbito do aniversário da elevação do Sumbe à categoria de vila.
Para tal, a organização, cuja produção está a cargo da promotora Sector 7, que substitui a Casa70, foi buscar a experiência de Sabino Henda, Heavy C, Yuri da Cunha, Bangão, Kristo, Gingas do Maculusso, Calabeto, Proletário, Irmãos Almeida, Anselmo Ralph, Danny L, Big Nelo e Givago, em termos de nacionais.
Do estrangeiro vieram Beto Dias, Suzanna Lubrano e a banda brasileira Só Pra Contraiar.
Com o cenário a montar-se, com destaque para as questões inerentes ao palco e ao sistema de som, a população manifesta-se ansiosa para ver e ouvir as estrelas convidadas, sendo que cada um deposita grandes esperanças por um festival inesquecível.
A tradicional festa cultural, que reúne anualmente no mês de Setembro mais de uma dezena de músicos nacionais e estrangeiros, tem a particularidade de, este ano, acontecer por altura dos festejos do Dia do Herói Nacional, razão pela qual a organização espera por um público aproximado de 200 mil espectadores, tendo em conta o fim-de-semana prolongado.
Por esta altura, a Marginal do Sumbe, o palco do evento, recebe os últimos retoques, notando-se um grande movimento de homens da organização, que tudo fazem para nada faltar ou falhar a partir desta sexta-feira.
Para além da música, o local acolhe também uma feira de produtos artesanais, um certame usado pelo governo da província do Kwanza Sul, para incentivar e potenciar os criadores locais.
O Festisumbe é realizado anualmente pelo Governo Provincial do Kwanza Sul, este ano
em parceria com a Sector 7, empresa produtora de Eventos. Por norma, regista uma presença diária de quase 100 mil assistentes, oriundos das mais variadas regiões de Angola.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor paulo gonçalves em Sexta Set 24, 2010 9:26 pm

Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor paulo gonçalves em Quinta Set 30, 2010 9:11 pm

30-09-2010 21:00

Suécia
Angola prepara-se para feira literária de 2011

Estocolmo
-
O director do Instituto Nacional das Indústrias Culturais, António Fonseca, afirmou (quinta-feira) em Estocolmo, que Angola poderá fazer-se representar com uma delegação multidisciplinar do mundo das artes e literaturas, na próxima feira anual de Gotemburgo (Suécia), em 2011.
António Fonseca que falava da sua participação na actual feira de internacional de Gotemburgo referiu que está a contactar diversos organismos e entidades suecas, com objectivo de promover o intercâmbio entre a Suécia e Angola em vários níveis, principalmente das artes e da literatura.
“A participação angolana foi positiva, na medida em que o país poderá tirar proveito na produção e tradução de obras de outros autores angolanos para língua sueca”, declarou o poeta e ensaísta angolano, vencedor do “Prémio Cidade de Luanda de 2010”.
A participação de Angola neste evento anual ajudou a explorar muitas potencialidades e a “experiência” dos Países Nórdicos. Durante o certame, realizaram-se vários seminários, nos quais participaram também alguns escritores angolanos, designadamente Celestina Fernandes, Ondjaki (pseudónimo literário de Ndalu de Almeida) e Gabriel Baguet Júnior.
Segundo uma nota da embaixada de Angola na Suécia, o encontro que decorre sob o lema “A África e a Literatura Africana”, ajudou a tornar mais visíveis as literaturas africanas, incluindo as de língua portuguesa.
À margem deste certame, os escritores António Fonseca, Ondjaki e Gabriel Baguet Júnior vão apresentar na Biblioteca internacional de Estocolmo, as suas obras literárias.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor paulo gonçalves em Sexta Out 08, 2010 10:32 pm

08-10-2010 11:41

Artes Plásticas
Exposição Luanda's Dreams estará patente no Instituto Camões

Luanda –
Uma exposição de 12 pinturas e seis artefactos denominada “Luanda's Dreams”, de autoria do angolano Benjamim Sabby, será exposta de 14 a 26 deste mês, no Instituto Camões, em Luanda.
Amostra, segundo o pintor, que falava à Angop, é o retrato artístico dos sonhos da cidade e das suas gentes, a maneira como ela se pensa a si mesma.
“Luanda's Dreams aborda ainda os contrastes existentes nesta capital, os grandes edifícios novos/as cubatas antigas, a secretária que trabalha num escritório na Marginal/a kinguila que trabalha na esquina de um prédio qualquer da baixa de Luanda. Retrato dos novos heróis da cidade, estes heróis anónimos que trabalham, sobretudo, no mercado informal, engraxadores, zungueiras e roboteiros”, asseverou.
Para o professor de arte António Feliciano Dias dos Santos “Kidá”, Sabby sabe articular as mensagens do quotidiano social luandense através da tela, sugerindo aspectos sociológicos que a urbe vai vivenciando, através das danças, ritmos, zungas, tchilos, graxas, sonhos e outras nuances e performances.
Do ponto de vista técnico, disse, as obras representam um sinal de maturação estética fruto da persistência não só da forma, mas sobretudo da paleta que utiliza, obtendo dela matizes de plasticidade bem articuladas e conseguidas.
Já Helga Gamboa, artista plástica e mestre em cerâmica artística, diz que na arte de Sabby o senso de beleza é satisfeito quando se aprecia a harmonia das cores em relação as formas.
“Porém qualquer teoria de arte deveria iniciar com a seguinte suposição, a de admitir que arte não é a expressão em forma plástica de um particular ideal mas sim, a expressão do ideal que o artista realiza na forma plástica”, indicou.
Desta forma, apontou ainda Helga Gamboa, Sabby mostra calma e serenidade nas suas obras que convidam a uma aproximação, onde se pode perceber que os detalhes expostos têm uma narrativa com preocupações profundas.
Artista plástico e curador independente, Benjamim Sabby nasceu em Luanda, em 1974. Estudou artes plásticas na Escola Nacional de Artes Plásticas. É professor de educação visual e plástica e funcionário da Direcção Nacional de Formação Artística.
Membro da UNAP União Nacional de Artistas Plásticos, é consultor e curador na II Trienal de Luanda. Foi comissário do Siexpo – Salão Internacional de Exposições de Arte – Luanda. Como curador independente produziu várias exposições, onde se destacam: “Um Percurso Plástico no Mundo Contemporâneo” do artista plástico Van (Siexpo – 2007), “Poesia e Surrealismo” da artista plástica Ana Silva (Siexpo – 2008) e “Anatomilias – entre o Homem e a Máquina” do artista plástico Paulo Kussy (Siexpo– 2010).
Tem obras em colecções particulares de instituições em Angola e no estrangeiro. Participou em mais de vinte exposições colectivas e já realizou cinco exposições individuais, nomeadamente “Frutos do Imaginário”, no Centro Cultural Português (Luanda – 1999), “Sonhos, Silhuetas e Simbolismo” (2000 – CCP, Luanda), “ Realidades” XV Festival da Juventude e Estudantes (2001 – Argel, Argélia), “Do Sonho à Realidade ” (2002 – CCP, Luanda) e “Marcas do Real e do Onírico” (2006 – Galeria Celamar, Luanda).
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor paulo gonçalves em Sexta Out 15, 2010 10:29 pm

15-10-2010 22:55

Cultura
"Café Literário" enriquece habilidades de trovadores principiantes

Luanda
O Clube Nacional de Poetas e Trovadores (CNPT) realizou hoje, sexta-feira, na União dos Escritores Angolano (UEA), em Luanda, uma acção de intercâmbio artístico e uma palestras sobre "O estado da literatura em Angola", visando capacitar os trovadores principiantes.
O certame, que se insere na III edição do “Projecto Cultural Café Literário”, teve como objectivo aperfeiçoar e dotar os novos poetas e trovadores de diferentes habilidades de composição de textos literários.
O evento, que se realiza mensalmente, foi abrilhantado por cinco trovadores e poetas, bem como por grupos teatral e de copeira, que apresentaram trabalhos de sua autoria, exibindo desta forma o bom gosto pela arte.
Em entrevista à Angop, o dirigente da CNPT, Carlos Pedro, disse que actualmente muitos jovens têm demonstrado desejo em entrar no mundo da literatura, por isso, "é necessário auxilia-los para uma carreira auspiciosa."
Salientou que é com este objectivo que foi criado o projecto cultural "Café Literário”, visando à reflexão da “arte lúdica” feita pelos jovens.
Para trovadora Otília Adriano, o exercício da declamação é importante para quem está a ingressar na área de literatura, dando ao principiante noções para formar versos poeticamente belos.
“Neste evento estão artistas com maior domínio das arte que podem fazer correcções e dar uma noção de como devemos criar as nossas ideias”, constatou, lembrando que foram encontros do género que a inspiraram e impulsionaram para o mundo das artes.
O trovador Júlio Gil corrobora da mesma opinião, realçando que "estas actividades ensinam os jovens a declamar e a escrever poesias".
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor paulo gonçalves em Sexta Out 22, 2010 10:06 pm

22-10-2010 14:44

Moda
Shopping apresenta Belas Fashion 2010

Luanda
-
O Belas Shopping apresenta o Belas Fashion 2010 hoje e sábado, colocando à disposição do público as principais tendências para o verão 2010/2011 onde os padrões floridos destacam-se claramente.
No primeiro dia, além dos desfiles das lojas Ellus, Geox, Filhotes Kids, Deluxe e Lanidor, o Belas Fashion vai homenagear os estilistas angolanos Tekassala e Shunnoz, pelo seu contributo para a promoção e divulgação da moda angolana.
O segundo dia, de acordo com o programa enviado hoje à Angop, será preenchido pelos desfiles infantis da Misand Baby, Filhotes, Hello Kitty e Bicho Comeu. Em seguida, a passarela será tomada pelas lojas Lubóia, De Luxe Man, Dumond, Ever Rose, Petter Murray e Carmen Steffens, incluindo a mais nova loja do shopping, a Noivíssima. O dia termina com um desfile da alta costura apresentado pelo convidado especial desta edição, o estilista português João Rôlo.
Para dar mais charme e brilho ao evento virão os modelos internacionais Sharam, vencedora do Supermodel of the World Portugal 2010, e manequim Valter Carvalho.
Com o evento, o Belas Shoping reforça o seu compromisso com a moda angolana, confirmando o seu empenho no desenvolvimento da indústria da moda em Angola. Nesta 4ª edição o Belas Fashion já representa uma referência no calendário da moda e destaca-se pelo glamour, rigor na apresentação e no nível dos desfiles que nada ficam a dever aos grandes eventos internacionais.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor Vitor Oliveira em Terça Out 26, 2010 5:50 pm

Primeira Feira Nacional de Artesanato
Imagem
As artes plásticas da província do Huambo na feira nacional de artesanato
Avatar do utilizador
Vitor Oliveira
Administrador do fórum
 
Mensagens: 5484
Registado: Sexta Abr 24, 2009 2:14 pm
Localização: Alferrarede - Abrantes - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor Vitor Oliveira em Terça Out 26, 2010 5:51 pm

Primeira Feira Nacional de Artesanato
Imagem
Amostra de peças para decoração
Avatar do utilizador
Vitor Oliveira
Administrador do fórum
 
Mensagens: 5484
Registado: Sexta Abr 24, 2009 2:14 pm
Localização: Alferrarede - Abrantes - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor Vitor Oliveira em Terça Out 26, 2010 5:52 pm

Primeira Feira Nacional de Artesanato
Imagem
Arte de decoração patente na feira
Avatar do utilizador
Vitor Oliveira
Administrador do fórum
 
Mensagens: 5484
Registado: Sexta Abr 24, 2009 2:14 pm
Localização: Alferrarede - Abrantes - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor Vitor Oliveira em Terça Out 26, 2010 5:54 pm

Primeira Feira Nacional de Artesanato
Imagem
Amostra de utensílios para decoração durante a feira
Avatar do utilizador
Vitor Oliveira
Administrador do fórum
 
Mensagens: 5484
Registado: Sexta Abr 24, 2009 2:14 pm
Localização: Alferrarede - Abrantes - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor Vitor Oliveira em Terça Out 26, 2010 5:57 pm

Primeira Feira Nacional de Artesanato
Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem
esculturas e cestaria da província da Lunda Sul

Imagem

Imagem

Imagem
Chinelos e sandálias na maior montra do artesanato nacional

Imagem
Artesão confecciona obra de tecelagem para comercialização durante a feira

Imagem
Obras de artes plásticas e vestuários patentes na feira

Imagem
A valorização e reconhecimento dos artesãos constitui uma das prioridades do Ministério da Cultura

Imagem
Valor artístico do artesanato angolano apreciado por visitantes da feira

Imagem
Artesã conclui peça de arte para amostra e comercialização na feira

Imagem
Artesão trabalha os traços da cultura nacional

Imagem
Artesã expõem na feira do artesanato
Você não tem permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.
Avatar do utilizador
Vitor Oliveira
Administrador do fórum
 
Mensagens: 5484
Registado: Sexta Abr 24, 2009 2:14 pm
Localização: Alferrarede - Abrantes - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor Vitor Oliveira em Terça Out 26, 2010 6:00 pm

Primeira Feira Nacional de Artesanato
Imagem
Exposição de peças de arte da província do Bié
Avatar do utilizador
Vitor Oliveira
Administrador do fórum
 
Mensagens: 5484
Registado: Sexta Abr 24, 2009 2:14 pm
Localização: Alferrarede - Abrantes - Portugal

Re: CULTURA ANGOLANA

Mensagempor Vitor Oliveira em Terça Out 26, 2010 6:01 pm

Primeira Feira Nacional de Artesanato Angolano
Imagem
Parque da independência acolheu a Primeira Feira Nacional do Artesanato
Avatar do utilizador
Vitor Oliveira
Administrador do fórum
 
Mensagens: 5484
Registado: Sexta Abr 24, 2009 2:14 pm
Localização: Alferrarede - Abrantes - Portugal
---------

AnteriorPróximo

Voltar para CULTURA E DESPORTO DE ANGOLA

Quem está ligado

Utilizadores a navegar neste fórum: Nenhum utilizador registado e 0 visitantes

cron