NOTÍCIAS DE LUANDA

NOTÍCIAS, FOTOS E VÍDEOS

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor Vitor Oliveira em Segunda Jun 22, 2009 6:37 am

21-06-2009 17:45

Reunião
Ministro dos Petróleos em Viena
Luanda - O presidente da Conferência da OPEP e ministro angolano dos Petróleos, José Maria Botelho de Vasconcelos, participará nesta terça-feira, em Viena (Áustria), na 6ª Reunião Ministerial de Energia, entre a União Europeia (EU) e a Organização
dos Países Exportadores de Petróleo.
A reunião analisará o estado da economia mundial e as perspectivas económicas da União Europeia, desenvolvimentos no mercado petrolífero, mudanças da EU nos alvos e políticas públicas para a energia e as perspectivas mundiais da OPEP sobre o petróleo e de
investimentos sob incerteza.
O evento analisará, também, o resumo do relatório da mesa redonda sobre a captura e armazenamento do dióxido de carbono, o resumo do relatório e conclusões do estudo e do workshop sobre o impacto dos mercados financeiros no preço e volatilidade do petróleo, bem como outros dois relatórios: um sobre o estado do estudo sobre os biocombustíveis e outro sobre o centro tecnológico de energia da OPEP-EU.
Avatar do utilizador
Vitor Oliveira
Administrador do fórum
 
Mensagens: 5484
Registado: Sexta Abr 24, 2009 2:14 pm
Localização: Alferrarede - Abrantes - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor Vitor Oliveira em Terça Jun 23, 2009 6:15 pm

por paulo gonçalves em Ter Jun 23, 2009 1:45 am

Conferência
Henriques Cardoso fala da projecção dos interesses dos Estados em Angola
Luanda – O antigo presidente do Brasil, Fernando Henriques Cardoso, concede hoje (terça-ferça), em Luanda, uma conferência de imprensa para abordar o tema “A projecção dos interesses nacionais dos Estados na arquitectura do mundo contemporâneo e os efeitos da crise económica mundial nas economias nacionais”.
O conferencista, sociólogo e professor universitário, foi o trigésimo quarto presidente da República Federativa do Brasil, cargo que exerceu por dois mandatos consecutivos, de 1 de Janeiro de 1995 a 1 de Janeiro de 2003.
Co-fundador do PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira) e presidente desde 2001 de honra desta formação política, Fernando Henriques Cardoso teve o mérito de ser o primeiro presidente reeleito na história do Brasil.
A conferência contará com a participação de membros do Governo de Angola, académicos, profissionais da comunicação social e outros convidados.
Fernando Henriques Cardoso encontra-se desde Segunda-feira, em Luanda, à frente de delegação de cinco elementos, e de acordo com o programa vai visitar a Faculdade de Direito da Universidade Agostinho Neto (UAN) e as instalações da Universidade Católica de
Angola (UCAN).paulo gonçalves
Avatar do utilizador
Vitor Oliveira
Administrador do fórum
 
Mensagens: 5484
Registado: Sexta Abr 24, 2009 2:14 pm
Localização: Alferrarede - Abrantes - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Quarta Jun 24, 2009 4:05 am

Luanda
Unitel abre loja no município do Kilamba Kiaxi


Luanda - A operadora de telecomunicações móveis "Unitel" abriu segunda-feira, em Luanda, uma nova loja no município do Kilamba Kiaxi, bairro Neves Bendinha, por forma a dar resposta a procura de produtos e serviços naquela zona da capital.

Segundo uma nota que Angop teve hoje (terça-feira) acesso, com abertura do referido espaço comercial, a operadora eleva para 16
o número de lojas em Luanda, totalizando mais de dez postos de trabalho preenchidos por profissionais angolanos.

De acordo com a fonte, a empresa tem já em funcionamento 26 lojas para clientes e agentes e é representada em vários pontos de
venda.

A Unitel conta já com mais de 4,5 milhões de clientes. Desde 2001, ano em que iniciou as suas operações, tem vindo a alargar o conjunto de serviços, dispondo actualmente de ligação de terceira geração (3,5G), com o HSDPA, EDGE e GPRS, e do sistema GSM, aumentando progressivamente o seu raio de cobertura nacional.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Quarta Jun 24, 2009 4:06 am

Constituição
Grupo técnico da Comissão Constitucional propõe elaborar três projectos de Constituição

Angop

Pormenor na reunião da Comissão Constitucional

Luanda – A equipa técnica da Comissão Constitucional solicitou hoje (terça-feira) autorização para produzir dois ou três projectos da futura Constituição, com vista a responder as diferentes opções apresentadas pelos partidos e coligação de partidos
representados na Assembleia Nacional.

O pedido foi formulado pelo coordenador da Comissão Técnica, Carlos Feijó, na apresentação, à plenária da Comissão Constitucional, da proposta de metodologia e cronograma de trabalho a adoptar pelo órgão encarregue de produzir o projecto da futura Lei Magna.

De acordo com Carlos Feijó, tendo em conta a diversidade e a incompatibilidade das propostas apresentadas pelos partidos e coligação de partidos com assento parlamentar, julga-se conveniente que a Comissão Constitucional oriente a Comissão Técnica a preparar dois ou três projectos de Constituição.

Ainda de acordo com o jurista, os projectos referidos reflectiriam as matrizes constitucionais apresentadas pelos partidos nas suas propostas de ante-projectos de Constituição – as quais, tecnicamente, podem ser reconduzidas a três modelos (ou opções) de Constituição.

Segundo o também docente universitário, os dois ou três projectos solicitados seriam, depois de elaborados, submetidos pela Comissão Constitucional à discussão pública, finda a qual seria então elaborado o projecto final de Constituição, tendo em conta o resultado da audição popular.

Nesta perspectiva, disse, à Comissão Técnica competiria produzir um relatório final sobre o resultado das consultas, cabendo à Comissão Constitucional, depois de apreciá-lo, fixar as orientações políticas e legislativas a ter em conta pela equipa técnica no processo de redacção final do projecto.

Para Carlos Feijó, esta metodologia de diferentes projectos constitucionais submetidos à consulta pública permitiria alargar o debate sobre a Constituição a níveis democraticamente positivos, quer da sociedade civil em geral, quer das organizações
de diferentes classes profissionais, bem como dos próprios políticos.

A proposta de metodologia e cronograma de trabalho apresentada hoje pela Comissão Técnica, e a proposta para os dois ou três projectos de Constituição, serão apreciadas e decididas pela Comissão Constitucional na sua próxima reunião, a ser convocada
oportunamente.

Na plenária de hoje, a Comissão Constitucional apreciou também a tabela comparativa de princípios estruturantes da futura Constituição, elaborada pela Comissão Técnica em conformidade com as propostas apresentadas pelos partidos políticos, bem como as actas das suas reuniões dos dias 23 de Abril e 19 de Maio do corrente ano.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Quarta Jun 24, 2009 4:09 am

Luanda
Dependência de drogas discutida em seminário


Luanda - Um curso intensivo sobre Dependência de Drogas foi realizado hoje, terça-feira, no salão nobre da Administração Municipal do Cazenga, com a participação de mais de cem pessoas, entre agentes da Polícia Nacional, brigadistas da luta contra estupefacientes e moradores interessados.

A acção formativa, levada a cabo pela Associação Nacional de Luta contra as Drogas (INLD), foi orientada pelo seu vice-presidente, João Cruz, e teve a intervenção dos psicólogos Francisco Tandu e Santinha de Jesus.

Com dois temas, "Causas e consequências do consumo excessivo de álcool, de tabaco e de outras drogas" e "Que orientação psicológica deve ser dada aos dependentes de drogas e suas famílias", o curso decorreu no âmbito do Dia Mundial de Luta Contra as Drogas, a assinalar-se sexta-feira (26 de Junho).

Durante a formação, grupos de teatro exibiram-se para retratar as consequências do uso de drogas, tendo o vice-presidente da ANLD, João Cruz, se debruçado sobre as razões que levam os jovens a consumirem estupefacientes, designadamente a busca do prazer, da alegria e da emoção.

Referiu que "o uso de drogas pode ser uma tentativa de amenizar sentimentos de solidão, de inadequação, baixa estima e falta de confiança".

Outros factores que contribuem para o uso de drogas pelos jovens são a ansiedade, o aborrecimento, o encontro com amigos, a resolução de problemas, querer ficar na moda, expandir a consciência e buscar o auto-conhecimento.

Ao analisar o comportamento da juventude na sociedade angolana, João Cruz considerou que os homicídios, as lutas, os assaltos e outras acções de marginais têm a ver com o uso de drogas, como cannabis sativa (Liamba), cocaína e crack, um substrato da cocaína.

De igual modo, apontou a disponibilidade de bebidas alcoólicas e a sua publicidade como incentivos para os jovens beberem, sobretudo quando fazem parte de grupos onde existem regras que têm de ser aceites por todos.

"Existem regras no grupo que são aceites e valorizadas pelos membros, como o uso de certas roupas, o corte do cabelo, a parada em certos locais e a utilização de drogas, pois é no grupo que o jovem busca a sua identidade", referiu o também coordenador das Conferências Regionais do Combate ao Alcoolismo/tabagismo e outras drogas.

Isso é mais agravante com filhos que não tiveram afecto familiar ou que foram abandonados à sua sorte, já que os pais não sabem o que fazer com a caótica energia do jovem e muito menos acompanham os estudos dos seus entes.

No entanto, João Cruz indicou que a ANLD tem trabalhado na sensibilização dos jovens, para evitarem o uso de drogas, quer naturais como químicas, "que só destroem o futuro da juventude angolana", sublinhou.

No final do curso, os participantes receberam um certificado, que os compromete a serem activistas na luta contra os estupefacientes e parceiros da Associação Nacional de Luta contra as Drogas (INLD).

A Angop soube que sábado terá lugar no Cazenga uma marcha alusiva ao Dia Mundial de Luta Contra as Drogas, com partida da Escola Grande e chegada ao Marco Histórico do 04 de Fevereiro.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Quinta Jun 25, 2009 3:33 am

25-06-2009 3:05

Feira
Ministério da Cultura promove Jardim do Livro Infantil

Luanda - O Ministério da Cultura (Mincult) promove a partir de hoje, quinta-feira, no Parque da Independência, em Luanda, a feira "O jardim do Livro infantil", para o incentivo dos mais novos ao gosto pelo livro e a leitura.

O evento, que decorrerá até o dia 28 do corrente mês, terá periodicidade anual e visa o reconhecimento da importância do livro, como veículo privilegiado de educação estética, moral e cívica, de expansão de conhecimento e de valorização e preservação do património Cultural Nacional.

Com a actividade pretende-se igualmente chamar a atenção da família, da escola e da sociedade, para a importância do livro na formação das futuras gerações.

Para a realização do Jardim do Livro Infantil, o Ministério da Cultura convidou editores, livreiros, entidades cuja actividade seja a produção e comercialização de artigos culturais e de lazer destinados às crianças.

Foram convidados também estabelecimentos de ensino estatais e privados, creches infantis, orfanatos, centros de acolhimento de crianças, igrejas e associações a programarem visitas organizadas ao Jardim do Livro Infantil.

Durante a realização do evento, serão realizadas diversas actividades como exposição e venda de livros infantis, lançamento de livros, obras musicais, sessões de leitura, desenho e pintura, oficina sobre ilustrações e escrita criativa, palestras, jogos, concursos e projecção de filmes.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Quinta Jun 25, 2009 3:34 am

25-06-2009 1:04

Cultura
Galeria TAAG-uma oficina de arte em busca de mercado

Luanda – Já lá vão 20 anos, desde que a galeria de arte contemporânea TAAG abriu as portas ao público, para a venda de peças de artesanato e artes plásticas. Porém, está ainda longe de considerar-se uma oficina de sucesso, a julgar pela "fraca promoção dos produtos e pelo visível decréscimo no número de tradicionais clientes".

O ano de 2009 será para o atelier um novo ponto de partida, no ainda pequeno mercado de venda artesanal de Luanda, servindo de "ensaio" para um abrangente projecto de divulgação e distribuição de produtos, tendo em vista o Campeonato Africano de Futebol (CAN 2010).

"Nós somos artistas e trabalhamos como empresa privada, com uma actividade livre. A nossa arte precisa de muita promoção, pois é daí que vêm os clientes.

Actualmente, está um pouco difícil vender os nossos produtos, como mostram as contas de caixa. Antigamente comercializavamos muito melhor", declarou hoje à reportagem da Angop o galerista Mata Masumo Domingos, para quem a falta de compradores é um dos principais problemas a ultrapassar até a altura do início do Campeonato Africano.

O responsável da Galeria, adstrita à Transportadora Aérea Angolana (TAAG), explica que esporadicamente recebem apoio do Ministério da Cultura, mas confessa ser difícil tocar o negócio, em Luanda, se não se tiver uma boa rede de promoção.

Todavia, informa que conseguem vender em média, mensalmente, perto de 15 ou 20 peças, entre obras de artes plásticas e artesanato, embora a preços que nem sempre correspondem ao esforço e trabalho de produção.

"Nós podemos chegar a ter uma média de 15-20 espécies vendidas mensalmente. Mas não se vende no valor que necessitamos, porque não podemos passar fome. Como as pessoas não sabem o valor dessas coisas, torna-se um pouco difícil vender.

Mas nós, os artistas, temos que começar a dar valor às nossas obras, que podem levar até duas semanas para serem produzidas. Demora para fazer, pelo que a venda também devia ter em conta esse sofrimento", lamenta o artista, ciente da realidade do mercado.

A Galeria TAAG – CAVE localiza-se na Rua da Missão, uma zona privilegiada e movimentada da capital do país, pela proximidade de hotéis (Trópico e Tivoli), mas está longe de registar o movimento desejado pelo proprietário.

Por ela passam, diariamente, vários potenciais clientes. Alguns param para observar as peças, expostas bem à entrada da oficina. Outros apenas olham à distância, embora o colorido dos quadros e a diversidade das peças de escultura chamem alguma atenção.

Do lado de fora é possível observar um pouco do material disponível no "atelier", mas só na cave do espaço, a pouco mais de 30 metros da fachada principal, o cliente toma contacto directo com as mais de cem obras expostas nas prateleiras.

"Essa é uma galaria antiga, que vende de tudo um pouco. Temos desde o *** preto, aos bonecos de artesanato, como mumuílas, máscaras diversas e o famoso Pensador. Também comercializamos quadros de artes plásticas. Não sabemos ao certo quantas peças temos aqui e, por isso, estamos a fazer um inventário", explica Mata Massumo.

Os preços praticados variam consoante o tamanho, a técnica aplicada e o tempo de produção. Um quadro de médio porte, por exemplo, pode ser comercializado a 250 ou 300 dólares norte-americanos, naquela galeria, enquanto uma réplica do Pensador pode superar os nove mil kwanzas.

"O preço depende da qualidade e do tamanho do produto. O material custa caro. Um tubo de tinta para artes plásticas, por exemplo, pode custar 30 dólares. E nós compramos vários tubos. As peças mais vendidas, aqui, são o Pensador e o Mumuila.

Mas nesta altura temos apenas o Pensador pequeno, que custa mil e 200 kwanzas. Outros vendem a quatro mil kwanzas. O Pendor maior pode custar oito ou nove mil. Tenho muitos clientes angolanos, porque estou ao lado de um hotel muito frequentado", expressa.

Ainda assim, diz ter também alguns clientes estrangeiros, embora grande parte seja nacional, que compra os seus produtos principalmente por ter o atelier no mesmo edifício (cave) de uma das agências da Transportadora Aérea Angolana (TAAG).

Diferente de outras épocas, a sua galeria produz peças de artesanato apenas em madeira e *** preto, provenientes da zona norte do país, particularmente Zaire e Cabinda.

O cobre e o marfim, outros materiais utilizados num passado recente, há muito deixaram de constituir matéria prima para os profissionais do atelier, que abriu as portas no início dos anos 90, com pouco mais de quatro artistas.

A venda dos produtos era feita em bancadas ao ar livre, sem grandes espaços para armazena-los. Hoje, o negócio cresceu. Quatro trabalhadores labutam no espaço, em regime permanente, enquanto outros 12 artistas limitam-se à colaboração.

Os clientes vêm de longa data. Alguns são "fieis" à casa desde os primeiros anos, mas, nem com isso, o galerista mostra-se vaidoso e "confortável".

O futuro parece-lhe difícil, embora veja possibilidade de prosperar o negócio, pelo que promete estar em força, com obras diversas, por altura do CAN2010.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Sexta Jun 26, 2009 2:19 am

Felicitação
Ministério da Comunicação Social destaca desempenho dos quadros do Jornal de Angola

Luanda - O Ministério da Comunicação Social felicitou hoje, quinta-feira, em Luanda, a direcção e o colectivo de trabalhadores do Jornal de Angola, que contribuem com o seu talento e saber para o engrandecimento da comunicação social.



O facto vem expresso numa nota de imprensa a que a Angop teve acesso, a propósito do 32º aniversário daquele órgão de comunicação social, a assinalar-se a 26 deste mês. O ministério louva os esforços levados a cabo pelo colectivo para oferecer ao público um produto cada vez mais inovador.



O documento assinado pelo ministro da Comunicação Social, Dr. Manuel Rabelais, destaca o empenho de todos os profissionais que primam por um jornalismo com mais rigor e cada vez mais objectivo, pedagógico, isento e interventivo, contribuindo para a educação dos cidadãos.



Na nota são elogiados os esforços do Jornal de Angola na diversificação dos conteúdos informativos, nomeadamente no domínio do desporto e da economia, na modernização técnica e tecnológica, e no novo grafismo do jornal on-line.



Destaca ainda o facto do jornal circular já em todo o país e sublinha a aposta do diário na formação do homem, assim como na implementação de medidas que visam a prestação de um serviço público de qualidade.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Sexta Jun 26, 2009 2:20 am

Reunião
Aplicação do memorando para Cabinda decorre de forma positiva

Luanda – O vice-governador de Cabinda, Macário Lembe, afirmou hoje (quinta-feira), em Luanda, que decorrem "de forma positiva" os trabalhos da Comissão Conjunta para a Implementação do Memorando de Entendimento para a Paz e Reconciliação para a província de Cabinda.

Macário Lembe, que falava à imprensa no final da reunião da comissão, ocorrida no Ministério da Administração do Território,
considerou que a discussão de aspectos inerentes ao repatriamento e reinserção de ex-militares encaminharão o processo para a sua fase final.

Relativamente ao processo de repatriamento de angolanos, oriundos da província de Cabinda, no Congo Democrático e na República do Congo, a vice-ministra da Reinserção Social, Maria Magalhães, disse que foram já realizados encontros afins com os governos de ambos países e com o Alto Comissariado da ONU para os Refugiados.

Segundo a dignatária, nos referidos encontros foram debatidos aspectos relacionados com a cadastração dos refugiados, cujos
dados, não definitivos, indicam existirem 111 mil angolanos na RDC e dez mil na República do Congo.

“Ainda não começou o repatriamento. Estamos a negociar porque muitos angolanos ficaram no exterior. Este é um novo ciclo que está
numa fase de preparação”, sublinhou.

Por seu lado, o director do Instituto de Reintegração Socioprofissional dos Ex-Militares (IRSEM), António Andrade, afirmou que o processo de reintegração dos antigos combatentes, na província de Cabinda, está no bom caminho.

Adiantou que as acções incluem a formação profissional e preparação de unidades de trabalho onde os potenciais beneficiários podem exercer os ofícios que estão a aprender, como serralharia, alfaiataria, carpintaria, comércio precário e a actividade agrícola.

António Andrade frisou que o processo “não está concluído”, pois um novo cadastramento foi accionado, para avaliar o número dos já
contemplados e, a partir deste pressuposto, elaborar novos projectos.

“Estão desenhados mais três projectos, que poderão desde logo beneficiar 771 ex-militares”, concluiu.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Sexta Jun 26, 2009 2:21 am

Futebol
Internacional Abel Xavier enaltece investimentos do Governo no desporto

Luanda – O futebolista luso-moçambicano Abel Xavier manifestou hoje, em Luanda, a sua satisfação pela evolução do desporto angolano, a julgar pelos investimentos do Governo na construção de infra-estruturas e formação do homem.

Em declarações à imprensa, após audiência com o ministro da Juventude e Desportos, Gonçalves Muandumba, o antigo jogador da selecção de Portugal referiu que, além da construção dos estádios e outras infra-estruturas de apoio ao CAN2010, o país pode servir de exemplo na formação de jovens praticantes do futebol e outras modalidades desportivas.

"Mesmo no exterior, tenho acompanhado o desporto africano. Mas a minha visita a Angola permite-me ter uma visão mais clara da aposta e evolução do desporto neste país, que pode servir de exemplo a outros do continente", disse Abel Xavier.

O atleta, que se encontra em Luanda com o objectivo de inteirar-se dos preparativos do CAN2010, afirmou ter recebido explicações do titular da pasta dos Desportos em Angola projectos e programas ambiciosos de investimentos na área.

"Todos os anos nascem grandes talentos em África, o que vai faltando é um acompanhamento efectivo por parte das autoridades locais, mas o que verificamos em Angola é um grande investimento por parte do Governo e outras entidades privadas. Isso é muito importante", realçou o ex-defesa do Benfica de Portugal.

Ainda sobre a audiência, disse que questões ligadas aos programas de desenvolvimento desportivo e a Taça das Nações em futebol que o país vai organizar em Janeiro de 2010 dominaram o encontro com o mandatário do órgão reitor dos desportos.

Abel Xavier está em Angola a convite da direcção da campainha de aviação Air26 no âmbito da promoção daquela instituição, tendo em conta o Campeonato Africano das Nações (CAN) de 10 a 31 de Janeiro de 2010, nas cidades de Luanda, Benguela, Cabinda e Lubango.

Na sua carreira, representou o Sport Lisboa e Benfica (Portugal), Liverpool (Inglaterra) e Galatasaray (Turquia), o Middlesbrough (Inglaterra) e o Los Angeles Galaxy (EUA).
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Domingo Jun 28, 2009 2:19 am

Formação
Qualidade de ensino em São Domingos satisfaz formandos


Luanda - Os jovens que frequentam os cursos de informática e língua inglesa, no centro de formação de São Domingos, município do Rangel manifestarem-se hoje, satisfeitos pela excelência da qualidade de ensino da instituição e o grau de exigência dos acádemicos aos alunos.



Em declarações á Angop, Sérgio Alexandre Generoso Domingos, a fazer língua inglesa considerou de positivo o nível de aprendizagem na instituição.



"O centro tem bons professores, aprende-se bem e as condições de ensino são satisfatórias", sublinhou.


Dilma Vilarinho, matriculada *****rso de inglês intensivo, depois de já ter feito informática é da mesma opinião do seu colega, referindo que as exigências dos professores, na sua visão correspondem ao investimento financeiro.



O recém-formado *****rso de informática, Dionísio André, actualmente a trabalhar no centro como auxiliar na especialidade, considerou de excelentes os formadores da instituição.


Na opinião, da aluna de montagem de redes de computador, Erica Renata António, a instituição que frequenta é uma das melhores na capital do país, a julgar pela capacidade dos professores em transmitirem os conhecimentos.


Para Welwitchia da Costa, do curso de língua inglesa, que disse estar a gostar de frequentar o centro, pela qualidade de ensino, rigorisidade dos professores, bem como pelo sistema pedagógico de avaliação que é contínua.



Desde a sua abertura em 21 de Janeiro de 2000 até a presente data, o centro já formou nos cursos de curta duração em informática e língua inglesa, a sete mil e 811 pessoas.


O centro de formação São Domingos pertence a Ordem dos Frades Menores Capuchinhos de Angola (OFMCA) e esta adstrito ao Instituto Nacional de Formação Profissional (INAFOP).
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Domingo Jun 28, 2009 3:01 am

Felicitações
Embaixador angolano na Grécia felicita Jornal de Angola

Luanda - O embaixador de Angola na Grécia, Isaías Jaime Vilinga, felicitou hoje (sábado) a direcção do Jornal de Angola (Edições
Novembro), pela passagem do seu 33º aniversário, assinalado sexta-feira última.



"Venho em meu nome próprio, da minha família, dos funcionários da embaixada e da comunidade angolana expressar as nossas mais efusivas felicitações ao senhor director geral e a todos os quadros pela comemoração de mais um aniversário de existência do único periodico nacional", lê-se na nota.



Segundo o diplomata, é com grande atenção que a sua instituição acompanha a inovação tecnológica do serviço on-line deste matutino, assim como os esforços empreendidos pela sua direcção na diversificação dos mais variados conteúdos jornalísticos, facto que o torna um meio de comunicação social de prestigio, de consulta obrigatória e de formação de consciências.




“Neste momento de grande reflexão e festa para todos os funcionários das Edições Novembro, permitam-nos que nos associemos a este instante que vos envolve e desejar um promissor sucesso profissional a todos quanto contribuem para que o vosso produto final chegue todos os dias as mãos dos leitores com elevada qualidade profissional", concluiu o embaixador.



O Jornal de Angola é um órgão de informação que nasceu no primeiro quarto do século XX. Durante este período, atravessou décadas sempre na vanguarda de tiragens e acompanhou os momentos exaltantes da Independência Nacional, constituindo-se numa biblioteca da história de Angola.




Actualmente conta com uma tiragem com mais de 30 mil exemplares e apresenta nos seus conteúdos informativos as secções de política, economia, sociedade, desporto, cultura, opinião, mundo, entre outras.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Terça Jun 30, 2009 2:19 am

30-06-2009 3:13

Parque
Automobilistas alegam desconhecimento para fraca utilização de parque de estacionamento

Luanda - O desconheciemnto da forma de acesso, aliado aos preços praticados, foram apontados por utentes de viaturas hoje, segunda-feira, em Luanda, como sendo, alegadamente, as razões da não utilização do parque de estacionamento público localizado na zona exterior (pátio) do Terminal Doméstico do aeroporto de Luanda.


Falando à reportagem da Angop no local, alguns automobilistas alegaram desconhecer que qualquer cidadão pode fazer uso do referido parque de estacionamento mediante pagamento de uma taxa que varia entre os 100 e os 400 kwanzas.


Segundo Manuel do Nascimento, cuja viatura encontrava-se estacionada na berma da estrada na zona frontal do recinto aeroportuário, poucas vezes vem ao aeroporto e sempre pensou que o parque fosse reservado a funcionários da Enana e de companhias aéreas.


Quando questionado sobre as consequências que podem advir da sua atitude, como avultadas multas por parte de polícia de trânsito, que podem variar de 15 a 79 mil kwanzas, ou ver a sua viatura rebocada, o interlocutor disse temer que tal venha a acontecer consigo, acrescentando que doravante vai mudar de comportamento.


"Juro que não sabia que qualquer um pode usar o parque, pois entre pagar 100 kwanzas e arriscar-me a pagar mais de 15 mil certamente opto pela primeira hipótese", sustentou.


Já Maria Imaculada, automobilista, alegou não entender o porquê de taxas únicas, quando às vezes só precisa ficar no parque por poucos minutos.


"Não acho justo que tenha de pagar 100 kwanzas por uma hora, quando só preciso de permanecer no local por 10 minutos. Acho que se devia cronometrar o tempo real que cada viatura permanece no parque, devendo-se pagar o preço justo", argumentou.


Reconheceu o constrangimento que tem sido provocado ao trânsito no exterior do Terminal Doméstico pelas viaturas que ali estacionam, uma vez que a estrada é bastante estreita, mas disse não ter outra hipótese, pois, frisou, nem sempre possui valores monetários.


Por sua vez, Paulo Antunes criticou os seus "colegas de volante" que insistem em não utilizar o referido parque de estacionamento, uma vez que o mesmo tem espaço e o preço é irrisório.


"Não acredito que qualquer um de nós não tenha ao menos 100 kwanzas para pagar aqui dentro. Se reparares, muitas das viaturas ligairas que estacionam lá foram fazem serviço de táxi. O problema é a falta de educação e sensibilização das pessoas, estamos habituados a viver na confusão", disse.


Entretanto, para uma fonte afecta a "RV Investimentos", empresa que explora o parque de estacionamento "o problema dos automobilistas é a falta de informação ou o desconhecimento do nosso preçário, uma vez que o cliente paga 100 Kwanzas pela primeira hora que permanecer no parque, 250 pela segunda e 400 por três horas".


A Empresa de Exploração de Aeroportos e Navegação aérea (ENANA) está a levar a cabo um projecto que visa a reabilitação e ampliação do aeroporto de Luanda e que prevê a construção dos taxiways (saída de aeronaves), ampliação das pistas de rodagens, construção do estacionamento externo, bem como a modificação e ampliação das vias de acesso.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Terça Jun 30, 2009 2:31 am

Angola/RDC
Processo sobre exploração conjunta de petróleo está no bom caminho

Luanda – O embaixador da República Democrática do Congo (RDC) em Angola, Eric Paluku Kamavu, anunciou hoje, segunda-feira, em Luanda que o processo para a partilha de petróleo na zona de interesse comum (bacia do Congo) está em bom caminho.


Falando à Angop, por ocasição da festa nacional do seu país, a ser comemorada terça-feira (30) o diplomata da RDC disse que a futura partilha de crude naquela área resulta de um protocolo assinado em Julho de 2007, em Luanda, entre os minsitérios dos Petróleos de Angola e o dos Hidrocarbonetos do Congo.


O diplomata da RDC considerou de notícias sem fundamento divulgadas por alguns meios de imprensa sobre o processo de exploração conjunta do crude na zona de interesse comum.


"Nós estamos admirados por constatar que os jornalistas não se dirigem ao Ministério angolano dos Petróleos para se informarem, com vista a obter dados viáveis sobre a região de interesse comum", abordando questões que não dominam, disse o embaixador.


Sublinhou que a zona de interesse comum situa-se a norte dos bloco 1, 15 e 30, e a sul do bloco 14, cujos resultados serão partilhados entre os dois países em 50 porcento.


Informou que o artigo 1º (primeiro) do acordo prevê a possibilidade das partes signatárias alargar essa zona para outras áreas ao longo orla marítima.


Explicou ainda que o protocolo não está ser aplicado na prática, pelo facto de ainda se registar pouco engajamento de peritos na pesquisa da zona de interesse comum.


"Embora haja essa dificuldade, a RDC nunca fez quaisquer declarações alegando que Angola desenvolveu essa acção ou praticou uma desconformidade ao acordo que livremente rubricaram como dois Estados soberanos", esclareceu


Disse também que a RDC já ratificou o protocolo, através de uma lei assinada pelo presidente congolês, Joseph Kabila, dando ordem para se iniciar os trabalhos, como define o texto assinado em Luanda, no seu artigo 8º (oitavo) que fixa o prazo de seis meses, a partir da rubrica, para sua ratificação


No entanto, continua ainda por definir as áreas do mar territorial, da Zona Económica Exclusiva (ZEE) e a plataforma continental, sublinhou.


Apesar do seu país ter delimitado em 1974 o mar territorial, continua ainda a fazê-lo na Zona Económica Exclusiva e na plataforma continental.


Precisou que para solucionar as dificuldades técnicas actuais, o seu país recorreu-se à ajuda de peritos da Comissão dos Direitos do Mar para auxiliá-lo na delimitação da zona de interesse comum.


No concernente à exploração de outros minerais, as partes preconizam explorar conjuntamnte os diamantes ao longo do rio Kuango, no entanto, ainda não foram dados grandes passos, estando os peritos a trabalhar, com vista a identificar com precisão a zona a explorar.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal

Re: NOTÍCIAS DE LUANDA

Mensagempor paulo gonçalves em Quarta Jul 01, 2009 2:26 am

01-07-2009 3:22

Curso
Ministério do Ambiente reforça fiscalização das áreas de conservação

Luanda – O Ministério do Ambiente promove, a partir de hoje, quarta-feira, no Parque Nacional da Quiçama, província do Bengo, um curso de introdução a inventariação de recursos, para o reforço e melhoria da gestão e fiscalização as áreas de conservação de Angola.

Em parceria com o Instituto de Reintegração Social de Ex-militares (Irsem), o curso visa, entre outras aspectos, reintegrar os desmobilizados no processo de reabilitação e gestão da biodiversidade em Angola, segundo uma nota entregue hoje à Angop.

Através da Unidade de gestão e coordenação da biodiversidade, o curso conta também com o apoio da Cooperação Técnica Alemã, no âmbito do seu projecto de fortalecimento do processo de paz e segurança de Angola.

A decorrer na escola de formação de fiscais, localizada no Parque Nacional da Quiçama, Bengo, o curso vai reunir gestores de parques nacionais, técnicos do Ministério do Ambiente, do Irsem, para além da Fundação Quiçama.

Tendo em conta a posição geográfica de Angola, os temas deste curso estarão ligados à fauna, flora, solo e ecossistemas, assim como o actual estado das comunidades existentes em vários parques do país.

Estarão presentes no evento responsáveis nacionais da biodiversidade do Ministério do Ambiente, do Irsem, do Instituto Nacional de Desenvolvimento Florestal (IDF) e da Cooperação Técnica Alemã.

O Parque Nacional da Quiçama é uma das áreas de conservação abrangidas pelo projecto de fortalecimento do processo de paz de Angola, através da integração de Ex-militares, em medidas de protecção e gestão da biodiversidade.
Avatar do utilizador
paulo gonçalves
Administrador do fórum
 
Mensagens: 7197
Registado: Quarta Maio 27, 2009 9:40 am
Localização: Porto Espada - Marvão - Portugal
---------

Próximo

Voltar para SALA DE LUANDA

Quem está ligado

Utilizadores a navegar neste fórum: Nenhum utilizador registado e 0 visitantes

cron